Notícias

  1. Home
  2. /
  3. Imprensa
  4. /
  5. Estudos internacionais comprovam eficácia...

Estudos internacionais comprovam eficácia da cirurgia bariátrica no combate ao diabetes tipo 2

Imprensa

Tratamentos convencionais para afastar o diabetes em obesos são menos eficazes quando comparados à cirurgia bariátrica; Doenças associadas à obesidade custam caro para o governo brasileiro, que em 2011 gastou R$ 488 milhões com o tratamento de 26 tipos de comorbidades

 

73

Obesidade afeta mais de 600 milhões de pessoas, 30 milhões delas no Brasil.

Cerca de 600 milhões de pessoas no mundo, sendo 30 milhões somente no Brasil, estão obesas. Este quadro é agravado pelo aparecimento de diversas doenças associadas como, por exemplo, hipertensão, dislipidemia, apneia do sono, problemas ortopédicos severos e diabete tipo 2. Esta última, porém, pode ser combatida com muita eficácia por meio da cirurgia bariátrica. É o que apontam diversos estudos mundiais recentes, que demonstram que a doença pode até ser controlada.

 

“Os estudos trazem uma perspectiva animadora para reduzir a incidência de uma doença grave e silenciosa. O tratamento das doenças associadas à obesidade é um problema caro para o governo, que só em 2011 gastou quase R$ 500 milhões com 26 tipos de comorbidades. Nesse cenário a cirurgia bariátrica surge como uma excelente opção para o combate a essas doenças”, explica o Dr. Almino Ramos, presidente da SBCBM – Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica.

Neste ano, dois novos estudos destacam a eficiência da cirurgia bariátrica no combate do diabetes tipo 2. Um deles feito pela Cleveland Clinic, uma das cinco melhores redes de hospitais dos Estados Unidos, revelou que a cirurgia bariátrica se destaca como o método mais eficiente no combate ao diabete tipo 2 em pacientes com obesidade moderada e permite também a diminuição do uso de medicamentos para controle de colesterol e pressão arterial.

Outro estudo realizado pela Universidade de Gotemburgo, na Suécia, apontou que a cirurgia bariátrica supera outros tratamentos por conseguir levar pacientes obesos à remissão do diabetes tipo 2. “Não só o diabetes, mas a perda de peso contribui favoravelmente na melhora das diversas doenças relacionadas à obesidade. O objetivo principal da cirurgia bariátrica não é apenas a perda de peso, mas sim a melhora da saúde como um todo”, salienta Dr. Almino.

Cirurgia Bariátrica
Popularmente conhecida como redução do estômago, a cirurgia bariátrica vem crescendo expressivamente no Brasil, que já é o segundo país com mais cirurgias realizadas, com cerca de 80 mil procedimentos por ano, atrás apenas dos Estados Unidos que realizam cerca de 140 mil cirurgias anualmente. Do número total de cirurgias feitas no Brasil estima-se que 10% são feitas pelo SUS. O número de procedimentos cresceu 90% nos últimos cinco anos e 300% em dez anos.

Sobre a SBCBM
A SBCBM – Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica foi fundada em 1996. Inicialmente batizada como SBCB – Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica, em 2006 a entidade inseriu a palavra “Metabólica” em seu nome, devido à crescente importância da cirurgia metabólica na comunidade médica.

Possui atualmente cerca de 1260 sócios entre cirurgiões e especialidades associadas (endocrinologista, cardiologista, educadores físicos, cirurgiões plásticos, fisioterapia, enfermagem, odontologia, fonoaudiologia, nutricionista e nutrólogo e psiquiatra e psicólogo) com representantes em todo o país por meio de 14 capítulos (Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo) e 10 delegacias (Alagoas, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Paraíba, Piauí, Rondônia, Sergipe e Tocantins).

Mais informações para imprensa:
Target Estratégia em Comunicação

Fone: (11) 3063-0477
Diego Cordeiro – diego@targetsp.com.br
Italo Genovesi – italo@targetsp.com.br
Karina Klinger – karina@targetsp.com.br

Crédito da foto: chrisphoto via Compfight cc